Pesquisar neste Blog

Carregando...

domingo, 15 de julho de 2012

Troca dos dentes: dúvidas mais frequentes...

A idéia principal desta matéria é esclarecer os questionamentos mais comuns das mamães com relação à troca dos dentes de leite pelos permanentes. Reuni neste post algumas perguntas que sempre surgem no consultório:

1. Quando os dentes de leite começam a cair? Existe uma idade máxima?
A idade média é aos 6 anos, mas existe uma variação para iniciar essa troca. Então, a preocupação só deve ocorrer se o atraso for muito acentuado.

2. Depois que caem os dentes de leite, em quanto tempo devem erupcionar os permanentes?
Normalmente demora um mês, mas claro pode sim ocorrer um processo mais demorado, ou por falta de espaço ou também se o dente de leite for extraído antes da hora.

3. Até que idade deve estar concluída a troca dos dentes?
Em geral, a troca dos dentes se dá por completa aos 12 anos em média, com excessão do terceiro molar, o "dente do juízo" que irá aparecer por volta dos 18 anos.

4. Por que os dentes permanentes erupcionam tão amarelos?
Bom, os dentes permanentes por sua anatomia e composição sempre são mais amarelos que os dentes de leite. O que acontece é que na fase de troca dos dentes, as crianças ainda possuem os dentes de leite (mais branquinhos) ao lado dos permanentes que estão surgindo, por isso temos  a tendência de compará-los e vê-los mais amarelos. Pode observar, quando a dentição permanente estiver completa, já não parecerão tão amarelados assim.

Dúvidas esclarecidas??

2 comentários:

  1. Meu filho tem 4 anos e meio, e está com os dois dentes incisivos inferiores molinhos, acho essa troca muito precoce. Ele esteve internado, inclusive em uti, várias vezes antes de completar 1 ano. Tem alguma ligação? A troca precoce pode desencadear algum problema futuro?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Odete.... Sua duvida é muito comum... Mas fique tranqüila, a troca dos dentes pode começar em media por volta dos 5/6 anos, mas nao há nada de errado se trocar um pouco antes disso ou um pouco depois. Depende do organismo e desenvolvimento de cada criança.

      Se ainda estiver preocupada procure um Odontopediatra para uma avaliação..

      Obrigada pela participação e confiança!

      Excluir